Por Eduardo Luiz
13/07/2022, 09h00

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Apresentados ontem, os atacantes López e Merentiel terão de esperar mais um pouco para estrearem pelo Palmeiras. Inicialmente imaginava-se que eles poderiam ser relacionados para o jogo da próxima segunda-feira (18/7) contra o Cuiabá, no mesmo dia da abertura da janela, mas uma burocracia da CBF vai impedir.

O artigo 10º do capítulo 3 do regulamento do Brasileirão determina que um jogador só passa a considerado apto a atuar no dia seguinte à publicação do seu nome no BID (veja abaixo), o que não faz sentido, já que é um registro eletrônico – a habilitação deveria ser imediata.

Art. 10º – A contratação de novo atleta pelo clube, seja como profissional ou não profissional, habilita a sua atuação pelo clube no CAMPEONATO a partir do dia seguinte à data de publicação do seu nome no BID pela DRT, desde que cumpridos os demais requisitos do RGC e deste REC, incluindo a sua inscrição na competição pelo clube dentro do prazo definido no artigo 9º.

Com essa regra, López e Merentiel só poderão disputar o primeiro jogo pelo Verdão na quinta-feira, dia 21/7, contra o América, fora de casa.

Caso o Palmeiras se classifique na Copa do Brasil, eles poderão ser inscritos para a próxima fase. Já na Libertadores a dupla estará à disposição do técnico Abel Ferreira para o jogo de ida das quartas de final contra o Atlético-MG, marcado para 03/8, em Belo Horizonte.

Haja espera: vindo do Defensa y Justicia, Merentiel foi anunciado pelo Verdão no dia 18 de maio, enquanto que López, ex-Lanús, teve sua contratação confirmada em 16 de junho.