Por Eduardo Luiz
06/11/2022, 21h44

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Ao final do jogo na Arena Pantanal, o técnico Abel Ferreira analisou o desempenho do Palmeiras no empate com o Cuiabá, o segundo compromisso alviverde após a confirmação do Hendeca. O português elogiou o adversário e atribuiu o resultado à boa atuação do goleiro Walter.

“Jogamos bem contra uma equipe bem organizada, competitiva e que vinha de um resultado muito positivo (vitória sobre o Botafogo no Rio de Janeiro). Honestamente, poderíamos ter vencido. Mas temos que nos lembrar o quanto valia este jogo para o nosso adversário. Eu disse isso para nossos jogadores, que seria difícil e competitivo. Mas, muito honestamente, mesmo sofrendo um gol logo na primeira vez que eles foram ao ataque, o melhor jogador deles foi o goleiro. Essa que é a verdade”, iniciou.

“Temos que aceitar o resultado. Essas equipes com recursos diferentes dos teus, dão tudo. Infelizmente esse ponto é melhor para eles por tudo que aconteceu. É mais um jogo sem perder, mas poderíamos ter ganhado. Se tivesse que haver um vencedor, deveria ser o Palmeiras”, completou o treinador.

A partida contra o Cuiabá foi a antepenúltima do Verdão no Brasileirão. Com o título assegurado, o time de Abel Ferreira ainda enfrentará América-MG (casa) e Internacional (fora) antes de entrar em férias.

A partida contra o América-MG, da entrega da taça, será na quarta-feira (9/11). Já o duelo contra o Inter será no domingo (13/11).