Por Eduardo Luiz
24/01/2023, 00h22

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Além de cobrar uma postura mais atuante da diretoria na entrevista coletiva que concedeu após o clássico de domingo contra o São Paulo, o técnico Abel Ferreira voltou a falar sobre a necessidade do Palmeiras reforçar o elenco. A novidade foi a mudança de perfil de reforço que o treinador espera receber; ao invés de jovens com potencial para desenvolvimento, ele pediu “jogadores pontos”.

“O clube está se esforçando muito para trazer jogadores. Não quero usar erros do passado. Quero jogadores prontos, que façam a diferença, não para formar. Para formar eu tenho a base e jogam os moleques. Se é para trazer com potencial, vamos dar chance à base. Quero pronto. Os que quiserem vir e o clube possa contratar”, comentou o treinador.

“Já aconteceu de eu falar: Quero esse. Não quer vir… É muito caro… Temos de passar para o plano B, depois para o C. Quando passamos para o plano C, precisamos de tempo. E no futebol não temos tempo. Futebol é resultado”, completou.

Sobre a cobrança da torcida por reforços, Abel mandou um recado: “Que fiquem calmos e tranquilos. Não consigo entender ansiedade de fora. Vejam clubes como Liverpool, que não ganhou nada ano passado com os mesmos jogadores e treinador. Não vamos ganhar sempre. Gostamos de filé mignon, mas também precisamos comer coxinha de frango” encerrou.

O Palmeiras é o único clube da Série A que não realizou nenhuma contratação para 2023. Abel espera a chegada de pelo menos 2 jogadores, um volante e um ponta-esquerda.