Por Eduardo Luiz
13/11/2022, 17h54

Repleto de reservas, time de Abel Ferreira jogou mal e foi superado por 3 a 0. Elenco campeão entra em férias de 49 dias.

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Primeiro tempo

Sem 5 titulares, o Palmeiras iniciou o jogo vendo o Internacional tomar a iniciativa. Aos 3 minutos De Pena cobrou escanteio e Vitão escorou de cabeça por cima do travessão. Aos 9, após cobrança de lateral, Alemão ganhou de Danilo e ajeitou para Maurício acertar um improvável chute de canhota no ângulo de Vinicius: 1 a 0.

Mesmo atrás no placar, o Verdão não reagiu. Melhor para os mandantes, que seguiram criando oportunidades. Aos 15 minutos Vanderson soltou a bomba e Vinicius resvalou, mandando para escanteio. De Pena cobrou e Vitão, novamente livre, escorou no meio do gol, onde estava o goleiro Palmeirense.

Aos 17 minutos Vanderson levou a melhor pra cima de Vanderlan, entrou na área e chutou rasteiro, na trave direita de Vinicius. Após um intervalo de 15 minutos onde nada aconteceu, a partida voltou a esquentar na reta final, mas sempre tendo o Internacional como protagonista. Aos 32, Alemão deixou Murilo no chão e arriscou da entrada da área, sem direção.

A primeira finalização alviverde foi surgir apenas as 33 minutos com Danilo, de direita, mas o volante errou o alvo por muito. Aos 38, Maurício cruzou e Atuesta dormiu na marcação de Alemão que fez 2 a 0. Aos 42 minutos Scarpa cobrou falta, Endrick desviou no susto e a bola sobrou para Dudu chutar cruzado, mas muito alto, desperdiçando a única chance real de gol do Verdão no primeiro tempo.

continua após a publicidade

Segundo tempo

Com Bruno Tabata no lugar de Scarpa, que se despediu de vez do clube, e Gabriel Menino na vaga de Atuesta, o Palmeiras voltou para a etapa final competindo, o que não aconteceu no primeiro tempo. Aos 2 minutos Vanderlan cruzou para Rony finalizar de bicicleta e parar no travessão.

Aos 7 minutos Dudu arrancou e tocou para Gabriel Menino cruzar para Endrick, que só não descontou porque o goleiro fez milagre. Aos 11, Danilo soltou a bomba da entrada da área e viu a bola passar perto da trave direita. Três minutos depois o técnico Abel Ferreira promoveu mais duas alterações, tirando os baixinhos Rony e Endrick para as entradas de Rafael Navarro e López.

Depois das alterações, o Verdão perdeu rendimento, só voltando a incomodar a defesa adversária aos 23 minutos, quando Dudu cruzou para Menino ter seu chute bloqueado por Vitão. Aos 28, Abel mexeu pela última vez: Dudu por Giovani. Satisfeito com a vantagem obtida no primeiro tempo, o Internacional deu as caras apenas aos 29 minutos em chute de primeira de Matheus que Vinicius defendeu sem problemas.

A partir dos 30 minutos o time da casa começou a rodar o elenco. Aos 35, Tabata levantou para Rafael Navarro cabecear e parar em ótima defesa de Keiller. Aos 38, Estêvão arriscou de fora da área, rente à trave esquerda de Vinicius. Pouco depois, aos 39, o volante colorado deu ótimo passe para Romero, que tocou na saída do goleiro Palmeirense: 3 a 0.

Os últimos 5 minutos foram protocolares. O árbitro encerrou a partida sem acréscimo. Com o revés em Porto Alegre o Palmeiras termina o Brasileirão com 81 pontos, sua melhor campanha na era dos pontos corridos.

Agora o campeão entra em férias. Serão 49 dias de descanso. A pré-temporada alviverde vai começar apenas em 2 de janeiro. A estreia no Campeonato Paulista deve acontecer no dia 15/1. A FPF ainda não definiu a tabela.

Notícias relacionadas: