Por Eduardo Luiz
25/01/2022, 00h01

(Foto: Fabio Menotti/Palmeiras)

Dois dias depois de eliminar o São Paulo, o Palmeiras volta a campo pela Copa São Paulo na manhã desta terça-feira para enfrentar o Santos, e desta vez para decidir o título da competição.

A final será disputada às 10h, no Allianz Parque, com transmissão da RGT (para o estado de São Paulo), do Sportv e da Rede Vida.

Sem desfalques por lesão, suspensão ou Covid, o técnico Paulo Victor poderá repetir o time do final de semana, mas existe a expectativa pela utilização do atacante Endrick desde o começo do jogo. Na semifinal o garoto entrou apenas aos 16 minutos do segundo tempo.

Em entrevista coletiva ontem na sede da FPF, o capitão Pedro Bicalho negou pressão extra por se tratar de um título inédito para a base alviverde, multicampeã nas últimas temporadas: “Nosso grupo está tratando isso muito bem. Ter o apoio da torcida também é ótimo. Estamos bem focados para, se tudo der certo, entrar para a história do clube. O foco é descansar bem, manter a cabeça no lugar para amanhã (hoje) fazer uma grande partida e dar alegria para os nosso torcedores”.

Casa quase cheia: respeitando a redução de público imposta pelo Governo estadual, que limitou em 70% a capacidade para eventos esportivos, o Palmeiras colocou à venda aproximadamente 27 mil ingressos, e a tendência é que o Allianz Parque receba um grande público. E também por determinação das autoridades, o clássico será disputado com torcida única.