Por Eduardo Luiz
07/08/2022, 20h34

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Depois do Verdão vencer o Goiás com autoridade e ampliar a vantagem na liderança do Brasileirão, de 4 para 6 pontos em relação ao segundo colocado, o técnico Abel Ferreira exaltou a sintonia entre time e torcida, que novamente lotou o Allianz Parque.

“Esta equipe tem dado diversão aos nossos torcedores, eles vêm para desfrutar do espetáculo. Fico muito contente com isso. É incrível a energia que existe entre a equipe e os torcedores. Acho que eles entendem toda a nossa entrega, a forma como jogamos e a dinâmica”, iniciou o treinador.

Na sequência ele admitiu que preservou alguns titulares mirando a partida decisiva de quarta-feira contra o Atlético-MG, pela Libertadores: “Busquei uma equipe intensa, o jogo inteiro. Temos que fazer gestão de energia para jogar na máxima força. Era para sermos intensos o jogo inteiro, foi essa nossa intenção”.

Vítima constante de arbitragens ruins, Abel também fez questão de elogiar o trabalho do gaúcho Jean Pierre Gonçalves Lima: “Hoje tenho que dar uma palavra ao árbitro. É verdade que teve um lance que foi falta para os dois e eu fiquei um pouco chateado, mas deixou jogar. Quero dar parabéns por isso. Estamos habituados a sempre apitar e hoje o jogo teve intensidade e ritmo por responsabilidade do Jean. Foi igual para os dois”.

Por fim, Abel brincou sobre um fato que a transmissão flagrou no segundo tempo, um bilhete que mandou para os jogadores: “No bilhete estava escrito: Continuem jogando assim, os nossos torcedores estão nos apoiando. Aproveitem para os convocar para quarta-feira, porque têm sido espetaculares e ajudado muito”.