Por Eduardo Luiz
01/02/2022, 22h29

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Ao final do jogo contra o Água Santa no Allianz Parque, o técnico Abel Ferreira admitiu que a pancadaria promovida pelo adversário causou preocupação, já que na semana que vem o Palmeiras estreará no Mundial de Clubes. Apesar de admitir ter pensado nisso, o treinador optou por não tirar ninguém da partida, e ele explicou o motivo.

“Não controlamos nossos pensamentos. Pensei nisso. Mas não vejo outra forma de me preparar com o pé no fundo. Não há outra forma. Estamos mais próximos de ganhar. Nunca prometi ganhar todos jogos, mas que vamos nos preparar para ganhar, esse é nosso propósito”, disse o português.

Em seguida, Abel elogiou o adversário, que apesar das várias jogadas duras impôs muitas dificuldades ao Verdão: “Essa equipe nos trouxe mais problemas do que muitas do Brasileirão. Os jogadores do Água Santa só precisam de uma coisa: que uma equipe da Série A ou da Série B dê uma oportunidade”.

O comandante Palmeirense ainda concluiu: “Se baixarmos o nosso nível competitivo, ainda mais no Paulista, que é um campeonato duro, e com esses jogadores que fazem o jogo da vida deles, quando facilitamos e não somos intensos, podemos perder o jogo”.

Com a vitória sobre o Água Santa o Palmeiras chegou a 10 pontos na liderança do Grupo C do Campeonato Paulista.