Por Eduardo Luiz
12/11/2021, 00h44

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Titular contra o Atlético-GO, o zagueiro Benjamín Kuscevic terá mais dois jogos para mostrar serviço antes de Gustavo Gómez retornar da seleção paraguaia. Em depoimento ao site oficial, o chileno comemorou a oportunidade e valorizou o fato de o Verdão ter mantido o bom momento no Brasileirão.

“Obviamente estou muito feliz. Era muito importante continuarmos com a sequência de vitórias que vínhamos tendo. Vamos brigar pelo Campeonato Brasileiro até o fim, temos muita fé disso. Para mim, cada jogo é uma final, tenho que jogar como se fosse o último jogo”, disse o camisa 4.

Antes da partida contra o Atlético-GO, Kuscevic tinha atuado no jogo contra o Bahia, em Salvador (empate em 0 a 0, há 1 mês). No total, o defensor, de 25 anos e com contrato até dezembro de 2025, acumula apenas 23 jogos pelo Maior Campeão do Brasil.

Quer mais: mesmo como suplente (fez 1 jogo), Kuscevic colocou seu nome na história do clube ao conquistar a Libertadores 2020, feito que ele pretende repetir no próximo dia 27/11, diante do Flamengo.

“É um orgulho muito grande ser o segundo chileno campeão da Libertadores por clubes estrangeiros. O primeiro foi Prieto, que também jogou na Católica-CHI e foi campeão pelo Nacional-URU em 1971. Ganhar a Copa foi um sonho de criança, ainda mais sendo chileno em um clube tão grande como o Palmeiras. Não tenho nem palavras para falar disso. E vamos para mais uma” encerrou.