Por Eduardo Luiz
22/10/2020, 10h11

(Foto: IDV/Divulgação)

Depois de comandar o Independiente Del Valle na vitória por 2 a 0 sobre o Barcelona e garantir a classificação para as oitavas de final da Libertadores como segundo colocado do Grupo A, o técnico Miguel Ángel Ramírez falou sobre a proposta que recebeu e recusou do Palmeiras.

O espanhol, de 35 anos, chamou o Verdão de gigante, disse que suas pernas tremeram com a proposta e afirmou que se reuniu com pessoas sérias, mas que precisou tomar uma decisão pensando no presente e no futuro da sua carreira.

“Em uma tomada de decisão assim são múltiplos os fatores. Não é só o contrato e as condições que te oferecem, não é só o projeto esportivo, não só o que você está deixando, não é só onde você vai e quando vão, são muitos fatores. Nunca é fácil, muito menos quando os gigantes te chamam. As pernas tremem. É muito difícil tomar uma decisão assim. É mais difícil para mim porque eu estou começando minha carreira como profissional, então tenho de medir bem os passos que dou e pisar em solos firmes para continuar avançando” comentou o técnico, que se dispôs a assumir o Palmeiras em 2021, condição que a diretoria não aceitou.

Ramírez ainda concluiu: “Não é fácil tomar decisões, só quem está aqui agora sabe. Ainda mais com tantos fatores externos, com tantas coisas que não são verdades. As pessoas com quem me reuni são pessoas muito profissionais, pessoas muito boas. Foi uma semana muito difícil, com ruídos, mas sem perder o norte, que era a partida de hoje (quarta-feira)”.

Via Twitter, o Del Vale usou um meme famoso para comemorar a permanência do seu treinador. Veja abaixo.

Próximos alvos: com o “não” de Ramírez o Palmeiras segue atrás de um técnico estrangeiro, e o nome de Quique Sentién, ex-Barcelona, é um dos analisados pela diretoria. Gabriel Heinze, outro que está desempregado, também está no radar.