Por Eduardo Luiz
27/05/2024, 21h12

Leila Pereira ironiza Al-Sadd e diz que pretende manter Abel até o final do segundo mandato
(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Na saída da reunião que resolveu a questão dos jogos atrasados do Brasileirão, a presidente Leila Pereira falou sobre a polêmica envolvendo a suposta assinatura de um pré-contrato do técnico Abel Ferreira com o Al-Sadd, do Catar.

“Al-Sadd… Eu nem lembro desse clube, vocês que me lembram. O mais importante é que o Abel está no Palmeiras, ele ama estar no Palmeiras e tenho certeza que o torcedor Palmeirense também”, iniciou a presidente.

Leia disse que pretende manter Abel até o final de um eventual segundo mandato, que seria em dezembro de 2027. O atual contrato do técnico vai até dezembro de 2025.

“O Abel está extremamente feliz no Palmeiras, nós estamos extremamente felizes com o Abel no Palmeiras, onde ele quer estar. O meu grande desafio seria que se o associado continuar acreditando no nosso trabalho e se me reeleger presidente do Palmeiras, eu gostaria que o Abel ficasse conosco até o último dia do meu mandato”, completou.

Alegando que Abel assinou um documento vinculante e que depois não cumpriu, o Al-Sadd acionou a Fifa cobrando 5 milhões de euros de compensação.

Participe do canal do PTD no WhatsApp

MAIS LIDAS DO PTD:

1. Dudu marca em jogo-treino caseiro; veja os gols e as escalações usadas por Abel

2. Richard Ríos marca gol pela Colômbia em amistoso contra os Estados Unidos; veja

3. Palmeiras volta aos treinos sem convocados; veja possível escalação para enfrentar o Vasco

4. Especialistas explicam lesão de Bruno Rodrigues; atacante só voltará a defender o Palmeiras em 2025

5. Veja lances de Lucas Flora, promessa que o Palmeiras tirou do Corinthians