Por Eduardo Luiz
20/11/2021, 07h30

(Foto: Divulgação)

Os sócios do Palmeiras devem confirmar neste sábado, em Assembleia que acontecerá das 8h às 17h, a eleição da conselheira Leila Pereira para o cargo de presidente pelo triênio 2022-2023-2024. A chapa da empresária foi a única registrada e aprovada para o pleito.

Para ser eleita, Leila Pereira precisará receber a maioria dos votos (50% + 1). Se esse cenário não acontecer, uma nova Assembleia será convocada em até 15 dias. São esperados entre 2 e 3 mil sócios.

Na ocasião do lançamento da chapa, em agosto, Leila falou de seus planos para o futebol: “Eu não quero um time protagonista. Eu quero um time vitorioso. A gente não entra para fazer mais ou menos, a gente entra para arrasar. Conto com vocês, temos um projeto espetacular”.

Em entrevista à Rádio Capital, também em agosto, a empresária negou que haverá conflito de interesses, uma vez que presidirá o clube e as empresas que patrocinam o Verdão: “Se o associado me der a honra de ser presidente do clube, não tem nenhum problema, não vejo nenhuma incompatibilidade. Meu único objetivo é trabalhar para ter um clube cada vez maior e melhor. Tenho condições de contribuir com minha experiência como gestora de empresas. Não vejo nenhuma incompatibilidade. Durante minha gestão, se houver alguma situação que envolva a Crefisa, encaminho para o Conselho Deliberativo, e o que ele decidir vai ser cumprido”.

Os 4 candidatos a vice-presidentes na chapa de Leila Pereira são, pela ordem: Paulo Buosi, Maria Tereza Ambrósio Bellangero, Neive Conceição Bulla de Andrade e Tarso Luiz Furtado Gouveia.