Por Eduardo Luiz
01/07/2021, 09h30

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Titular no jogo-treino que o Palmeiras disputou na quinta-feira, o atacante Gabriel Veron está sendo submetido a um cuidadoso trabalho de recuperação para não voltar a sofrer com lesões. O garoto não atua desde 14 de abril, quando sofreu uma contusão na coxa esquerda contra o Defensa y Justicia pela partida de volta da final da Recopa Sul-Americana.

Daniel Gonçalves, coordenador científico do clube, explicou o trabalho: “Inicialmente, ele passou pela recuperação da lesão. Quando estava funcionalmente apto, fez um trabalho individualizado, baseado nas nossas avaliações. Fizemos fortalecimento, correções de déficits de força, funcionais e de biomecânica, que é a qualidade do movimento. Depois, passamos aos trabalhos específicos no campo, primeiramente em espaços menores e abrindo gradativamente até ser exigido em situações de jogo, com adversários”.

Em seguida Gonçalves deu mais detalhes do cronograma para o retorno de Veron aos gramados: “Estamos fazendo um processo evolutivo com o Veron. Na semana passada, ele já havia participado de um coletivo com o Sub-20 e, para subir mais um degrau, buscamos um jogo-treino contra um adversário de fora, o XV de Jaú”.

Apesar das boas notícias, o profissional preferiu não estipular uma data para Veron enfim voltar a disputar uma partida oficial: “Continuaremos evoluindo, ele ainda não está totalmente liberado, mas vai iniciar os trabalhos com o grupo. Faremos então o ajuste fino, individualizado, para que ele possa recobrar e atuar de forma plena no decorrer da temporada”.

Uma das principais revelações da base Palmeirense nos últimos anos, Gabriel Veron, atualmente com 18 anos, tem 44 jogos disputados no time profissional e 11 gols marcados. Ele participou das campanhas vitoriosas do Paulista 2020, da Libertadores 2020 e da Copa do Brasil 2020.