Por Leandro Santile
19/04/2022

(Foto: Flash Line)

Amigos Palestrinos, bom dia.

Falar do Endrick hoje é fácil, artilheiro por toda categoria de base, desejado por diversos clubes europeus e nacionais, esperança para uma posição cada vez mais carente no futebol mundial. Mas o que dizer do projeto do verdão para revelar talentos?

Sim, projeto profissional, que se iniciou com o ex-presidente Paulo Nobre e que fora encampado pelos sucessores, nossa base hoje é digna de respeito e os frutos já são colhidos.

Ontem, após 40 anos a seleção sub-17, encerrou um jejum de 40 anos do torneio de Montaigu, tendo como artilheiro… Ele, ENDRICK, nada mais do que previsível, artilheiro; melhor jogador da competição, mas junto brilhou outra joia da base, o garoto Luís Guilherme, que com dezesseis anos usou a camisa 10 da seleção, quem sabe não é o resgate dessa camisa tão famosa. Juntos a dupla foi responsável por 8 dos 11 gols anotados no torneio.

Soma-se aos 8 gols da dupla o tento assinalado por Victor Figueiredo, meio campista do verdão que também foi as redes, ou seja 82% dos gols brasileiros na competição foram assinalados por nossa base, que possuía nada mais do que cinco atletas no grupo, quatro entre os titulares.

Hoje é fácil falar da base, temos inúmeros atletas subindo, nem todos serão craques, nem todos irão gerar frutos, alguns irão se perder pelo caminho, mas para um time que revelava esporadicamente, é uma mudança de chave enorme e traz tranquilidade para a diretoria contratar, pois a base pode contribuir, e muito, com jogadores que irão no mínimo compor o elenco e com determinação e orientação se tornarão ativos valiosos.

Abrir uma página e ler: Projeto de craques em um jornal europeu é motivo de orgulho, mas para quem é Palestrino, o maior orgulho, é ver esses jovens vestindo o manto, levantando taças e enaltecendo ainda mais o nome Palmeiras pelo mundo afora.

Parabéns crias da academia, vocês estão se juntando a Mazzola, Alfredo Mostarda, Marcos, Leão, Gabriel Jesus, entre tantos outros.

Que venham mais revelações, que venham mais crias, que a base continue sendo motivo de orgulho.

Avanti Palestra.