Por Eduardo Luiz
19/05/2021, 23h25

O gol que sofreu no último segundo no jogo de terça-feira contra o Defensa y Justicia custou a liderança geral da Libertadores ao Palmeiras. Com 12 pontos, o time do técnico Abel Ferreira foi ultrapassado pelo Atlético-MG, que chegou a 13.

Jogando no Paraguai na noite de quarta-feira a equipe mineira derrotou o Cerro Porteño por 1 a 0, gol de Keno, nos acréscimos do segundo tempo.

O outro time que poderia passar o Palmeiras na classificação geral era o Flamengo, mas a equipe carioca apenas empatou com a LDU no Maracanã em 2 a 2, chegando a 11 pontos.

Na última rodada o Atlético receberá o La Guaira, enquanto que o Palmeiras enfrentará o Universitario, no Allianz Parque. O time que terminar com a melhor campanha geral terá a vantagem de decidir todos mata-matas como mandante – com exceção da final, que será em jogo único e em campo neutro.

Apesar de ter perdido a melhor campanha geral, o Verdão não perde mais a liderança do Grupo A mesmo se voltar a ser derrotado em casa. Nas oitavas de final, os confrontos serão decididos por sorteio (líderes ficarão num pote, segundos colocados em outro).