Por Eduardo Luiz
09/10/2021, 23h14

Jailson: 5,5
Uma boa defesa. De resto, tudo que foi no gol entrou.

Kuscevic: 3,0
Improvisado na lateral, foi um desastre da defesa (em tese, seu forte). No ataque, deu a assistência pra o gol de Dudu.

Luan: 3,5
Se posicionou mal em quase todos lances de ataque do Red Bull Bragantino.

Renan: 3,0
Perdeu na corrida para Ytalo, que não é veloz, no primeiro gol. No quarto gol ficou olhando Artur ajeitar ao invés de dar o bote.

Danilo Barbosa: zero
Um desastre completo. Demorou para sair.

Patrick de Paula: 3,0
Não marcou, não apoiou… Péssimo.

Raphael Veiga: 5,0
Cobrou bem o pênalti. Só. Não foi visto em campo.

Jorge: 5,5
Ainda sentindo a falta de ritmo, mas não fez um jogo ruim.

Wesley: 4,0
Apagado.

Dudu: 6,0
O único que se salvou.

Rony: 4,0
Voluntarioso. Deveria ter saído antes.

Veron, Luiz Adriano, Scarpa, Breno Lopes e Deyverson entraram durante o jogo. Nenhum acrescentou nada.

Abel Ferreira: 2,0
O Palmeiras não tem mais um time. Virou um catadão. Não existe sistema defensivo, não existe sistema de criação, não existe sistema ofensivo… Mesmo com desfalques, não era para o nível estar tão ruim. Isso passa, sim, pelo técnico, que parece ter perdido a confiança do grupo. O objetivo no Brasileirão tem de chegar nos 45 pontos. E na Libertadores seja o que Deus quiser.