Por Eduardo Luiz
09/04/2022, 23h38

Weverton: 5,0
Falhou no segundo gol. Sem culpa nos outros dois. E fez uma boa defesa quando o jogo estava 1 a 2.

Marcos Rocha: 4,0
Terá pesadelos com o Mendoza.

Mayke: 4,0
Não conseguiu arrumar a marcação em Mendoza.

Gómez: 4,5
Cobrou bem o pênalti. Nos outros 90 minutos, foi muito irregular. Falhou no primeiro gol.

Murilo: 4,5
Perdidinho.

Jorge: 4,0
Muito mal. Fez o gol contra que abriu o placar.

Rafael Navarro: 4,0
A bola chegou redonda 1 vez. E ele perdeu.

Zé Rafael: 5,0
Belo gol. Mas na marcação, não se achou.

Atuesta: 4,0
Entrou em outro ritmo…

Danilo: 4,5
Partida irreconhecível.

Raphael Veiga: 4,0
Uma boa jogada. Do primeiro gol.

Veron: 5,0
Sofreu o pênalti.

Dudu: 5,5
Tentou, mas não estava numa noite inspirada. Não vai decidir sempre…

Giovani: –
Participou pouco do jogo.

Scarpa: 5,0
Vinha sendo o menos ruim do time até falhar no lance do terceiro gol (cruzou muito mal e saiu o contra-ataque).

Rony: 4,0
Perdeu a chance clara de sempre, mas desta vez não conseguiu compensar. Nem seus companheiros aliviaram sua barra.

Abel Ferreira: 4,5
Não dá pra falar que errou ao escalar titulares, já que poupou boa parte deles na partida da Libertadores, mas ficou claro que o time não encarou o jogo com a seriedade necessária, e isso também passa pelo técnico. Durante os 90 minutos, mexeu mal. E novamente flertou com a expulsão ao reclamar muito à beira do gramado. Está iniciando seu terceiro Brasileirão. Em 1 rodada, ao perder pontos em casa, o Palmeiras repete o erro das últimas edições, onde justamente esse cenário impediu a equipe de disputar o título.