Por Eduardo Luiz
31/10/2021, 19h23

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Ao final do jogo em Porto Alegre, após outra vitória de virada do Palmeiras, desta vez sobre o Grêmio, o técnico Abel Ferreira analisou brevemente a atuação do time, que aumentou a série invicta no Brasileirão para 5 rodadas, sendo 1 empate e 4 vitórias seguidas.

“Dou mérito aos que ganham e aos que perdem, e nosso adversário trabalhou muito para ganhar, mas encontrou um Palmeiras muito forte e muito consistente” iniciou o treinador, que explicou a titularidade de Gustavo Scarpa (deixou Luiz Adriano no banco).

“Hoje (domingo), optamos por um ponta, que não é um ponta, que é o Scarpa, vindo para dentro e libertando o corredor. Por exemplo, para o Marcos Rocha, que sofreu um pênalti. Agora é muito fácil falar, porque ganhamos. Mas há jogos em que perdemos e as coisas são bem feitas também”, completou.

Por fim, ao ser questionado sobre a briga pela liderança, já que a diferença para o Atlético-MG que já foi de 13 pontos caiu para 7, Abel desconversou, dizendo que pensa jogo a jogo.

“Vamos manter a mesma linha, jogo a jogo em busca dos três pontos. Essa era a nossa missão hoje (domingo). Montamos um bom plano de jogo, os jogadores entraram muitos focados naquilo que tinham que fazer. É difícil manter o sarrafo alto. Exige de nós uma dedicação, porque é uma grande equipe, grande torcida e vive muita pressão, e repito como é difícil manter o sarrafo alto” concluiu.

O Atlético-MG lidera o Campeonato Brasileiro com 59 pontos e 28 jogos. O Palmeiras tem 52 com 29 rodadas disputadas. Já o Flamengo foi a 49 pontos com a vitória sobre o líder, mas tem 3 jogos a menos (26).