Por Eduardo Luiz
21/05/2023, 00h09

João Martins admite atuação apagada do Palmeiras no clássico
(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Com a suspensão do técnico Abel Ferreira pelo acúmulo de três cartões amarelos, coube ao auxiliar João Martins comandar o Palmeiras à beira do gramado e também conceder entrevista coletiva após o clássico contra o Santos.

João admitiu que o Verdão ficou devendo futebol no empate em 0 a 0: “Não nos adaptamos ao contexto do jogo. Viemos preparados para impor nosso jogo e não para ter que alterar. Não conseguimos impor nosso jogo”, iniciou.

Para o auxiliar, o aspecto físico não pode ser usado como desculpa: “O Santos jogou com estes jogadores há dois dias, nós também. Estávamos de igual forma no jogo, com mesmo tempo de recuperação, tudo igual”.

Para João, o resultado acabou sendo justo: “O adversário teve muito mérito no primeiro tempo, e no intervalo corrigimos algumas adaptações. Era um jogo que seria resolvido nos detalhes, e na segunda parte estivemos melhor, mas não criamos o suficiente para fazer o gol”.

O próximo adversário do Palmeiras pelo Brasileirão será o Atlético-MG, novamente fora de casa. Antes, porém, o time viajará o Paraguai para enfrentar o Cerro Portenõ pela Libertadores.

Participe do canal do PTD no WhatsApp

MAIS LIDAS DO PTD:

1. Notas de Botafogo 1 x 0 Palmeiras

2. E o VAR? Zagueiro do Botafogo agarra López e não é expulso

3. Copa do Brasil: últimos classificados para as oitavas são definidos; veja quem o Palmeiras pode enfrentar

4. Veja como fica o elenco do Palmeiras sem Garcia e Jhon Jhon

5. Vão jogar? Veja como Abel pode escalar o Palmeiras com os reforços