Por Eduardo Luiz
01/05/2021, 09h52

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Único clube brasileiro que entrou em campo em 2021 por 8 competições diferentes (Brasileirão, Copa do Brasil, Libertadores 2020, Mundial, Supercopa do Brasil, Recopa Sul-Americana, Campeonato Paulista e Libertadores 2021), o Palmeiras completou na última quinta-feira contra a Inter de Limeira a marca de 33 jogos no ano.

Da primeira partida de 2021 (3 a 0 no River Plate, na Argentina) até a derrota para a equipe de Limeira, passaram-se apenas 114 dias. A título de comparação, o PTD recorreu a 2019, já que em 2020 a temporada foi paralisada em março por causa da pandemia; há 2 anos, foram necessários 144 dias para o time disputar os mesmos 33 jogos. Ou seja, 1 mês a mais.

Entrando em campo a cada 3,4 dias, o Verdão começa a pagar o preço da maratona, já que está prestes a ser eliminado do Campeonato Paulista, torneio que diretoria e comissão técnica decidiram usar como “pré-temporada” e como laboratório para os garotos da base.

“Quando acabou a temporada, eu e a direção tivemos uma conversa muito séria em relação a esse campeonato. Pela primeira vez é que estou a assumir isso: é uma competição única e exclusivamente para dar oportunidade aos mais novos”, disse Abel Ferreira, após a derrota para a Inter de Limeira.

Veja abaixo mais detalhes da comparação entre 2021 x 2019:

  • 2021: 33 jogos em 114 dias (primeiro jogo em 05/1): 1 jogo a cada 3,4 dias
  • 2019: 33 jogos em 144 dias (primeiro jogo em 20/1): 1 jogo a cada 4,3 dias
  • Em 2019 o Palmeiras disputou 26 jogos em 114 dias, 7 a menos que 2021
  • Em 2019 o Palmeiras disputou apenas 3 competições em 144 dias: Paulista, Libertadores e Brasileiro. Em 2021 foram oito torneios diferentes no mesmo período.