Por Eduardo Luiz
18/12/2021, 09h30

(Foto: Internacional/Divulgação)

Com as saídas quase certas de Luiz Adriano e Willian, o Palmeiras trabalha no mercado para reforçar o ataque, e um dos principais alvos é Yuri Alberto, do Internacional. Interessado no centroavante da equipe gaúcha, autor de 12 gols no último Brasileirão (fez 19 na temporada), o Verdão ainda não formalizou uma proposta, mas já sabe que não será fácil chegar a um acordo.

Em entrevista a um podcast da ESPN, o diretor de futebol do Internacional, Paulo Bracks, disse que não negociará seu principal jogador por menos de 15 milhões de euros (R$ 96 mi).

“O Yuri é um centroavante jovem, com números de desempenho expressivos, titular absoluto de um clube que está brigando na parte de cima da tabela. É uma joia, um garoto de ouro. Educado, responsável, concentrado. Ele tem todos os predicados para ser uma das maiores vendas da história do clube. Não vejo hoje no mercado que a gente possa negociar o atleta por valores inferiores a 15 ou 20 milhões de euros”, disse Bracks.

Além do Palmeiras, o Zenit, da Rússia, também manifestou interesse no atacante do Internacional e sinalizou que faria uma proposta justamente pelo valor mínimo citado pelo dirigente gaúcho (15 milhões de euros), mas por enquanto isso não se confirmou.

Outros: ciente de que será complicado fechar com Yuri Alberto, o Palmeiras negocia com Rafael Navarro, que está de saída do Botafogo, e monitora as situações de Wesley Moraes, do Aston Villan, e de Valentín Casltellanos, do New York City FC, que já esteve no radar do clube no início da temporada.