Por Eduardo Luiz
26/11/2021, 00h32

(Foto: Reprodução)

Em entrevista ao Palmeiras Cast, o podcast oficial do Verdão, o técnico Abel Ferreira falou um pouco mais sobre a conquista do Hendeca Brasileiro, e contou os bastidores do jogo que valeu o título, contra o Fortaleza, no Allianz Parque, pela 35ª rodada.

O português revelou que a preparação alviverde focou única e exclusivamente no confronto contra a equipe cearense – no mesmo dia, mas mais cedo, o Internacional visitaria o América-MG, e se não ganhasse, o Hendeca já estaria garantido. Foi o que aconteceu.

“Falei várias vezes aos jogadores: não sei qual será o jogo do título. Chegou no jogo contra o Fortaleza, no treino de manhã, falei: é hoje! E vocês estão preparados. Aconteça o que acontecer no jogo do Internacional contra o América, não vamos mudar nada no nosso comportamento. Hoje às 21h30 temos que ganhar nosso jogo. Conseguimos criar uma mentalidade competitiva muito grande”, contou o treinador, valorizando a ótima atuação na vitória por 4 a 0 mesmo com o título já garantido.

Sobre a campanha no geral, Abel fez questão de exaltar o papel da torcida: “Nossos torcedores nos ajudaram muito. Eu vejo muitos jogos que quando a equipe da casa está perdendo, a torcida xinga. Isso me incomoda. Não preciso, quando estou mal, que venham me pisar. Quando estou xingando meus jogadores, estou xingando meu clube. Os nossos torcedores foram um exemplo”.

O título do Brasileirão foi o sexto de Abel como técnico do Palmeiras em apenas 2 anos de trabalho. Os outros 5 foram: Libertadores (2020 e 2021), Copa do Brasil (2020), Paulista (2022) e Recopa Sul-Americana (2022).

Veja abaixo a entrevista na íntegra: